fbpx

Educação infantil e pessoas com eplepsia serão temas de comissões especiais

Foto: Rinaldo Morelli/CLDF

A Comissão de Educação, Saúde e Cultura (CESC) aprovou, em reunião ordinária hoje (11) pela manhã, requerimentos que criam duas comissões especiais, uma em defesa da educação infantil e outra em defesa dos direitos das pessoas com epilepsia.

O presidente da Comissão, deputado Prof. Reginaldo Veras (PDT),  que votou favoravelmente, alegou que as comissões especiais defendem especificidades.

 Foto: Rinaldo Morelli/CLDF

A Comissão de Educação, Saúde e Cultura (CESC) aprovou, em reunião ordinária hoje (11) pela manhã, requerimentos que criam duas comissões especiais, uma em defesa da educação infantil e outra em defesa dos direitos das pessoas com epilepsia.

O presidente da Comissão, deputado Prof. Reginaldo Veras (PDT),  que votou favoravelmente, alegou que as comissões especiais defendem especificidades.

Já o deputado Wasny de Roure (PT), que se absteve da votação, ponderou que comissões especiais esvaziam as atribuições de comissões permanentes, como a CESC.

Saúde – Os integrantes da comissão ainda aprovaram requerimento para realização de audiências públicas na Casa. Por iniciativa do Prof. Reginaldo, a comissão vai debater o aprimoramento dos serviços públicos de saúde, em especial a reconstrução do Modelo Assistencial, a gestão de leitos e o uso dos recursos para a área.

Escolas – Também aprovado o debate sobre a construção de novas escolas no Riacho Fundo. Wasny, autor da proposta, disse que a escola conhecida como Ruralzinho, que fica entre Riacho Fundo I e II, é uma escola precária, feita de madeirite e assiste à comunidade daquela circunvizinhança. No entanto, segundo o parlamentar, a política habitacional do governo prevê a entrega de várias habitações naquela área dentro em breve, mas não prevê a construção de novas escolas para atender esse crescimento populacional.

Os deputados Veras, Wasny e Juarezão (PTB) aprovaram ainda, em bloco, 193 indicações.

Franci Moraes – Coordenadoria de Comunicação Social da CLDF, com alterações

Sobre Ísis Dantas

Ísis Dantas
Formada em Comunicação Social/ Habilitação Jornalismo pela Universidade Católica de Brasília em 2004. Trabalha como Assessora de Imprensa na Câmara Legislativa desde 04 de setembro de 2006. Atualmente assessora o deputado Prof. Reginaldo Veras (PDT), reeleito para seu segundo mandato parlamentar.

Veja também

TCDF analisa representação que pede volta de pagamento de benefício para Educadores Sociais Voluntários

Compartilhar via WhatsApp Nesta quarta-feira (24), às 15h, o Tribunal de Contas do DF (TCDF) …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Acessibilidade