fbpx

Veras prestigia lançamento do programa Pacto pela Vida

Foto:Pedro Ventura/Agência Brasília

O deputado Prof. Reginaldo Veras (PDT) participou, na manhã desta terça-feira (21), da solenidade de assinatura do decreto que cria oficialmente o Viva Brasília — Nosso Pacto pela Vida.

Para Veras o programa de segurança pública é importante, entretanto, na ocasião, o parlamentar ressaltou que a violência é fruto da desigualdade social e não são apenas ações repressivas que resolverão a questão e suas implicações.


Foto:Pedro Ventura/Agência Brasília

O deputado Prof. Reginaldo Veras (PDT) participou, na manhã desta terça-feira (21), da solenidade de assinatura do decreto que cria oficialmente o Viva Brasília — Nosso Pacto pela Vida.

Para Veras o programa de segurança pública é importante, entretanto, na ocasião, o parlamentar ressaltou que a violência é fruto da desigualdade social e não são apenas ações repressivas que resolverão a questão e suas implicações.
“Parabenizo o governador Rodrigo Rollemberg pelo programa Pacto pela Vida, mas quero destacar que o governo precisa tratar a questão sob um aspecto bem mais amplo e estrutural. Não são apenas ações repressivas que resolverão a questão da violência. É preciso que existam políticas públicas que propiciem à nossa juventude acesso à educação, ao lazer, a cidadania, pois se isso não acontece o Estado mais uma vez se omite e permite que os jovens , em sua maioria moradores de periferia e negros sejam vitimizados e vitimizem”, disse. ” Outra necessidade urgente é investir nos quadros das nossas Polícias Civil e Militar, dando condições de trabalho, de formação e atendendo a necessidade de reforços aos efetivos da corporações, desfalcados por aposentadorias, etc. “, completou.

Foto: Arquivo

O evento foi realizado no Ginásio Regional de Ceilândia, na Guariroba, e contou com a participação de grande número de secretários e subsecretários de Estado, administradores regionais, presidentes e diretores de empresas públicas, além de deputados distritais, moradores, representantes de entidades da sociedade civil, policiais militares e civis, bombeiros, agentes de trânsito e servidores de p ersas áreas do governo.

O programa – Os principais objetivos são a redução dos crimes violentos letais intencionais, como os homicídios, e daqueles contra o patrimônio, como roubos e furtos; a melhoria dos serviços e o aumento da confiança nas instituições de segurança pública; e a promoção de uma cultura de paz, por meio de políticas preventivas que combatam a vulnerabilidade social.

Para atingir os objetivos, o programa vai aprimorar a integração entre os órgãos de segurança pública, aumentar a transparência das informações criminais, buscar a cooperação do Poder Judiciário para a responsabilização dos autores dos crimes e fortalecer políticas sociais em regiões vulneráveis.

Decretos – O primeiro texto assinado pelo governador cria oficialmente o Viva Brasília — Nosso Pacto pela Vida.

O segundo estabelece a obrigatoriedade da p ulgação mensal ou trimestral, a depender do tipo de dado, das estatísticas criminais e da produtividade policial, como vem sendo feito desde janeiro. As informações serão acessíveis à população pela internet.

O terceiro texto estabelece as áreas de segurança pública e as regiões integradas de segurança pública, que p idem o território do Distrito Federal para a alocação e o emprego de efetivos policiais táticos e operacionais. Dependendo do caso — o combate a um problema local, como o tráfico de drogas em uma quadra —, poderão ser criadas circunscrições para operações específicas.

Ísis Dantas, com informações da Agência Brasília

Sobre Ísis Dantas

Ísis Dantas
Formada em Comunicação Social/ Habilitação Jornalismo pela Universidade Católica de Brasília em 2004. Trabalha como Assessora de Imprensa na Câmara Legislativa desde 04 de setembro de 2006. Atualmente assessora o deputado Prof. Reginaldo Veras (PDT), reeleito para seu segundo mandato parlamentar.

Veja também

Distrito Federal terá Semana de Combate e Prevenção à Violência Doméstica

Compartilhar via WhatsApp Na tarde desta quarta-feira (07), durante sessão remota, a Câmara Legislativa do …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Acessibilidade