fbpx

H1N1

O presidente da comissão de Educação, Saúde e Cultura (CESC), deputado Prof. Reginaldo Veras (PDT), utilizou a tribuna na tarde desta terça-feira (12) para tratar de um tema que tem preocupado a população do Distrito Federal e de todo o Brasil, o vírus H1N1.

Para o parlamentar, o Governo do Distrito Federal não está preparado para tratar a questão. Ele relatou um caso, de uma conhecida sua, servidora da secretaria de Saúde do DF, que tinha quatro dos cinco sintomas da gripe e que, mesmo sendo servidora da pasta, precisou fazer o exame em uma clínica particular. O deputado ressaltou que a servidora teve contato com vários pacientes da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) em que trabalha quando já estava infectada e aproveitou o exemplo para solicitar do GDF que insira os professores no grupo de risco para imunização contra o vírus H1N1.

“Como professor acredito que nós deveríamos fazer parte do grupo de risco que deve ser imunizado contra o H1N1, pois nas salas de aula temos contato com inúmeros alunos e numa eventual contaminação colocamos em risco a saúde deles e de toda a comunidade escolar”, defendeu.

Assista a íntegra do pronunciamento:

Ísis Dantas, da Assessoria de Imprensa

Sobre Ísis Dantas

Ísis Dantas
Formada em Comunicação Social/ Habilitação Jornalismo pela Universidade Católica de Brasília em 2004. Trabalha como Assessora de Imprensa na Câmara Legislativa desde 04 de setembro de 2006. Atualmente assessora o deputado Prof. Reginaldo Veras (PDT), reeleito para seu segundo mandato parlamentar.

Veja também

Educadores sociais terão renda temporária durante a pandemia

Compartilhar via WhatsApp Os mais de 4,5 mil educadores sociais voluntários que auxiliam nas atividades …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Acessibilidade