fbpx

Veras repercute notícia de construção do Hospital do Câncer do DF

Na sessão ordinária desta quinta-feira (15) o presidente da Comissão de Educação, Saúde e Cultura (CESC) repercutiu o anuncio feito pelo Governo do Distrito Federal que há recursos para a construção do Hospital do Câncer do Distrito Federal.

“Ontem (14) o GDF anunciou que chegaram às suas mãos recursos suficientes para a construção do Hospital do Câncer, recursos oriundos do Ministério da Saúde, que foram repassados por meio de emendas da bancada federal, totalizando cerca de 166 milhões. Peço aos membros da CESC uma atenção redobrada porque uma das contrapartidas exigidas pelo Ministério da Saúde, além de entrar com um pouco de recurso, foi a publicação do Plano Distrital de Atenção Oncológica”, disse o parlamentar.

Segundo Veras, a questão oncológica já vem sendo trabalhada com muito carinho e com muita dedicação pela Comissão de Educação, Saúde e Cultura, inclusive com a liberação de 35 milhões de emendas parlamentares para a oncologia do Hospital de Base.

“A notícia, claro, deixou-nos todos muito alegres, visto que já vínhamos trabalhando esse tema com muita intensidade desde que visitamos o Hospital de Base. As atitudes subsequentes acabaram levando à aprovação de um crédito suplementar de 35 milhões de reais para tentar sanar a gravíssima situação em que se encontra o tratamento de câncer no Distrito Federal”, destacou.

Na ocasião, o presidente da comissão afirmou que o Plano Distrital de Atenção Oncológica será estudado nos mínimos detalhes pela CESC, que já havia assumido o compromisso de fiscalizar da aplicação desses recursos.

 “ Contamos com o apoio da Comissão de Fiscalização, Governança, Transparência e Controle. Ou seja, é dinheiro demais que estamos mandando para a área de saúde, para um setor específico da área de saúde. Como levará algum tempo ainda até que o Hospital do Câncer passe a funcionar, nós temos que fazer acontecer é o que temos hoje”, afirmou. “ Aquele recurso que encaminhamos, aprovado por todos nesta Casa, tem que ser aplicado com rigor e fiscalizado com um rigor ainda maior, porque não adianta construir um hospital bonito, belo, equipado, com profissionais, se os nossos doentes podem morrer antes de o hospital estar pronto. Temos que dar uma sobrevida com um tratamento decente para que, quando o Hospital do Câncer, que será de excelência, passar a funcionar, as pessoas possam alimentar a esperança de prolongamento da vida ou até de solução final de seu problema”, finalizou.

Clique aqui e ouça o pronunciamento do deputado Prof. Reginaldo Veras.

 

Ísis Dantas, da Assessoria de Imprensa

Sobre Ísis Dantas

Ísis Dantas
Formada em Comunicação Social/ Habilitação Jornalismo pela Universidade Católica de Brasília em 2004. Trabalha como Assessora de Imprensa na Câmara Legislativa desde 04 de setembro de 2006. Atualmente assessora o deputado Prof. Reginaldo Veras (PDT), reeleito para seu segundo mandato parlamentar.

Veja também

Distrito Federal terá Semana de Combate e Prevenção à Violência Doméstica

Compartilhar via WhatsApp Na tarde desta quarta-feira (07), durante sessão remota, a Câmara Legislativa do …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Acessibilidade