Início / Especial / Projeto de dança inclusivo recebe homenagem na CLDF

Projeto de dança inclusivo recebe homenagem na CLDF

O Instituto AvivArte vem conquistando o público do Distrito Federal desde o ano de 2007. Com o objetivo de levar a dança e a experiência do palco às pessoas com deficiência, o projeto oferece aulas de balé, dança contemporânea e dança de rua aos bailarinos. As coreografias ensaiadas pelos participantes são apresentadas em todas as regiões do DF e, anualmente, o grupo realiza o Festival AvivArte de Dança Inclusiva.

Para homenagear os 10 anos dessa iniciativa, o deputado e presidente da Comissão de Educação, Saúde e Cultura da Câmara Legislativa do Distrito Federal, Prof. Reginaldo Veras (PDT), realizou uma sessão solene na noite de ontem (1). Na abertura, o parlamentar destacou: “Sou professor, defensor da educação inclusiva e presidente da Comissão de Educação, Saúde e Cultura, então é uma honra ser propositor desta sessão solene e recebê-los nesta Casa”.

Para a coordenadora do Instituto AvivArte, Janaíres Pires Mendes, a solenidade foi um momento especial, afinal é uma forma de reconhecimento do trabalho. Também coreógrafa, Jane, como é chamada pelos alunos, começou a dançar devido a um diagnóstico de fibromialgia. “Eu fui inserida nesse meio artístico a partir de um pedido médico, que me orientou a iniciar uma atividade física”, destacou.

“A dança ajudou no restabelecimento da minha saúde, da minha autoestima e me fez acreditar que era possível despertar nas pessoas o mesmo sentimento. Agradeço aos nossos bailarinos, pais e mães por nos acompanharem nessa trajetória”, concluiu Jane Pires.

Sem ensaios – Há dois anos os bailarinos do projeto perderam o espaço onde realizavam seus ensaios periódicos e, por alguns meses, precisaram realizá-los esporadicamente em quadras esportivas do Guará e em outras regiões do DF. Hoje, após uma parceria com a Prefeitura Comunitária do Guará, o grupo conseguiu uma sede fixa para a realização das atividades.

Segundo a prefeita da região, Tânia Alves, o projeto quase terminou devido a falta de um local adequado para atender as crianças. Apesar do espaço ser pequeno, a Prefeitura garantiu a realização dos ensaios até a construção de um maior. “Vamos continuar trabalhando em prol de um Centro Cultural Comunitário na região do Guará”, garantiu.

Segunda família – A mãe da bailarina inclusiva Manu, Flávia Pereira, conta que ela e a filha descobriram o balé há 3 anos. “A AvivArte nos apresentou o Projeto Dança Sobre Rodas e ele nos abriu muitas portas, pois adquirimos uma nova família que trabalha para levar a dança inclusiva a todos os lugares”, disse. Flávia destacou que, durante as aulas, os alunos são tratados com respeito, profissionalismo e isso tem propiciado mais alegria, autoestima e autonomia aos bailarinos.

O grupo AvivArte realizou 13 apresentações durante a sessão solene. O Professor Reginaldo Veras agradeceu aos bailarinos e afirmou que se sentiu privilegiado em conhecer de perto o trabalho realizado pelo Instituto.

Sobre Anna Cléa Maduro

Anna Cléa Maduro
Jornalista e fotógrafa. Assessora atualmente o deputado Prof. Reginaldo Veras (PDT).

Veja também

Secretaria de Educação divulga resultado final de concurso

Compartilhar via WhatsAppFinalmente, após grande pressão dos aprovados, o Diário Oficial do Distrito Federal (DODF) …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Acessibilidade