fbpx

Apesar da crise, 2016 termina com saldo positivo

Há dois anos assumi meu primeiro mandato como deputado distrital. Ao longo desse período além de aprender, eu e minha equipe nos esforçamos para tirar as demandas do papel e transforma-las em realidade não apenas para meus eleitores, mas para toda a população do Distrito Federal.

Apesar da crise que toma conta do DF e do Brasil, 2016 foi um ano muito produtivo e terminará com um saldo extremamente positivo.

À frente da Comissão de Educação Saúde e Cultura (no biênio 2015-2016) atuei para fortalecer a educação pública em nossas cidades. O primeiro passo foi visitar e conhecer a realidade de mais de 160 escolas em todo o Distrito Federal. Em seguida, destinei quase R$ 5 milhões através do Programa de Descentralização Administrativa e Financeira (PDAF) para realização de melhorias em diversas escolas. O mais gratificante foi ver pleitos antigos – das diversas comunidades escolares do DF – serem atendidos, proporcionando melhores condições tanto para os estudantes, como para os profissionais de educação.

Em 2016 participei ativamente das discussões sobre a Lei da Gestão Democrática e a Lei que regulamentará o PDAF. Também defendi a liberdade de cátedra e o pluralismo das ideias em sala de aula apresentando parecer pela rejeição da Proposta de Emenda à Lei Orgânica do DF conhecida como “Escola Sem Partido”.  Um dos compromissos honrados foi a luta pela isenção da taxa de inscrição do Programa de Avaliação Seriada (PAS) para alunos de baixa renda. Outra grande conquista foi, após muita luta e inúmeras cobranças, o lançamento do edital do concurso para a Secretaria de Educação do DF.

Já na Saúde, além das visitas aos hospitais, fiz o aporte de recursos (R$ 5 milhões) para a Oncologia do Hospital de Base. Em relação à Cultura, me empenhei para que a Lei Orgânica da Cultura (LOC) fosse aprovada na CESC. A proposta, que norteará as políticas públicas na área cultural, deve ser apreciada em plenário no próximo ano.

Não posso deixar de mencionar a intermediação feita entre o Executivo e as inúmeras comissões de aprovados em concursos públicos (SEDF, SES, SECULT, BRB, PMDF, PCDF, BB, CAIXA, PROCON), além da luta para que o governo pudesse realizar o pagamento das pecúnias aos aposentados do GDF.

Foi um ano de muito trabalho, aprendizado e de conquistas, especialmente para a educação do Distrito Federal. Eu e minha equipe, queremos agradecer a todos que, direta ou indiretamente, nos ajudaram a realizar nosso trabalho da melhor maneira.  Agradeço em especial a ajuda dos inúmeros professores, diretores, coordenadores das Regionais de Ensino, do valoroso apoio da Secretaria de Educação e seus subsecretários e da NOVACAP, especialmente seu presidente, e principalmente ao meu eleitorado, que tem fiscalizado e participado ativamente da construção do nosso mandato.

Deputado Prof. Reginaldo Veras (PDT)

 

Sobre Ísis Dantas

Ísis Dantas
Formada em Comunicação Social/ Habilitação Jornalismo pela Universidade Católica de Brasília em 2004. Trabalha como Assessora de Imprensa na Câmara Legislativa desde 04 de setembro de 2006. Atualmente assessora o deputado Prof. Reginaldo Veras (PDT), reeleito para seu segundo mandato parlamentar.

Veja também

Distrito Federal terá Semana de Combate e Prevenção à Violência Doméstica

Compartilhar via WhatsApp Na tarde desta quarta-feira (07), durante sessão remota, a Câmara Legislativa do …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Acessibilidade