fbpx
Foto: Ísis Dantas

CCJ aprova indicação de presidente e vice da Junta Comercial do DF

Durante audiência pública da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), realizada na manhã desta terça-feira (6) no plenário da Câmara Legislativa, os deputados distritais aprovaram, por unanimidade os nomes de Walid de Melo Pires Sariedne para o cargo de presidente e de João Vicente Feijão Neto para o de vice da Junta Comercial, Industrial e Serviços do DF.

Os indicados pelo governador Ibaneis foram sabatinados pelos integrantes da CCJ, deputados Reginaldo Sardinha (Avante), Martins Machado (PRB), Roosevelt Vilela (PSB), Daniel Donizet (PSDB) e Reginaldo Veras (PDT).  Também participaram da arguição os deputados Fábio Felix (PSOL), Leandro Grass (Rede) e Julia Lucy (Novo).

Na ocasião, os parlamentares fizeram vários questionamentos. O deputado Prof. Reginaldo Veras aproveitou para indagar sobre os critérios para seleção de pessoal da autarquia, que possui 94 servidores comissionados.

“É fundamental que o perfil técnico prevaleça na seleção dos funcionários da Junta Comercial do DF.  Além disso, é necessário que seja encaminhado à CLDF um projeto de normatização do corpo de servidores a fim de evitar que a autarquia se transforme em “um cabide de empregos” e “indicações políticas”, defendeu.

Sobre Ísis Dantas

Ísis Dantas
Formada em Comunicação Social/ Habilitação Jornalismo pela Universidade Católica de Brasília em 2004. Trabalha como Assessora de Imprensa na Câmara Legislativa desde 04 de setembro de 2006. Atualmente assessora o deputado Prof. Reginaldo Veras (PDT), reeleito para seu segundo mandato parlamentar.

Veja também

TCDF analisa representação que pede volta de pagamento de benefício para Educadores Sociais Voluntários

Compartilhar via WhatsApp Nesta quarta-feira (24), às 15h, o Tribunal de Contas do DF (TCDF) …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Acessibilidade