fbpx

Reginaldo Veras ataca projeto que regulamenta educação familiar

Por Sandro Gianelli – 27 de agosto de 2020

Para o Distrital, isso mostra incompetência do poder público em ofertar os meios adequados para o estudante

O professor e deputado distrital Reginaldo Veras (PDT) ataca veementemente o projeto que pede a regulamentação da educação familiar.

Durante entrevista ao Programa Conectado ao Poder, da TV União, o parlamentar foi enfático ao dizer que o recado dado é: não conseguimos dar uma educação remota de qualidade para 100% do estudantes, logo vou transferir essa responsabilidade para as famílias com o aval dos pais.

Veras não se coloca totalmente contra o projeto e promete fazer diversas emendas ao texto original. Porém, ele alerta que a discussão precisa vir do governo federal. “Tem de ser uma pauta do Congresso Nacional”, avalia. “Não vejo nenhum problema com a educação familiar, com tanto que haja uma regulamentação federal”, justifica.

No entanto, ele faz uma ponderação importante. Segundo o deputado, quem defende a educação familiar é gente rica e com dinheiro para pagar professores e tutores para ensinar o jovem em casa. “Daí o menino vai arrebentar, pois vai estar preparado, e as classes média e baixa vão achar isso interessante, mas não vão conseguir oferecer o mesmo para seus filhos de maneira igualitária”, critica e finaliza: “É um crime contra o futuro da criança”.

Sobre Ísis Dantas

Ísis Dantas
Formada em Comunicação Social/ Habilitação Jornalismo pela Universidade Católica de Brasília em 2004. Trabalha como Assessora de Imprensa na Câmara Legislativa desde 04 de setembro de 2006. Atualmente assessora o deputado Prof. Reginaldo Veras (PDT), reeleito para seu segundo mandato parlamentar.

Veja também

TJDFT suspende gratuidade no transporte público para profissionais de saúde

Compartilhar via WhatsApp A Corte Especial do Tribunal de Justiça do Distrito Federal (TJDFT) suspendeu …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Acessibilidade