fbpx
Foto: Ísis Dantas

Enfermeiros aprovados no CMBDF pedem convocações

O trabalho não para! Na tarde desta quarta-feira (28), junto com representantes da Comissão dos Aprovados no curso de habilitação de Oficiais Bombeiros Militares – Enfermagem, o deputado Prof. Reginaldo Veras (PDT) foi recebido pelo Comandante Geral da corporação, Coronel William Augusto Bomfim e pelo responsável pelo Comando Operacional do CBMDF, Coronel Eduardo José Mundim.

Na ocasião, Veras foi apresentar a demanda que foi levada ao seu gabinete pelos enfermeiros aprovados no último concurso da instituição. Eles pleiteiam a convocação de mais profissionais para que possa ser implementado o serviço de enfermagem na Policlínica Médica (POMED) do CBMDF; no Grupamento de Atendimento em Emergência Pré-Hospitalar –GAEPH; no Grupamento de Aviação Operacional – GAVOP, bem como na Seção de Auditória – SEAUD.

Foi entregue ao Comandante Bomfim um estudo com o quantitativo de servidores necessários, o quadro de pessoal existente e o déficit de servidores, que sugeriu que seja criado um processo interno no Sistema Eletrônico de Informação (SEI) para que a demanda tenha andamento na instituição e possa ser acompanhada pelos concursados.

Sobre Ísis Dantas

Ísis Dantas
Formada em Comunicação Social/ Habilitação Jornalismo pela Universidade Católica de Brasília em 2004 e estudante de Comunicação e Marketing. Ísis Dantas trabalha como assessora de imprensa na Câmara Legislativa há quase 15 anos - desde 04 de setembro de 2006. Atualmente assessora o deputado Prof. Reginaldo Veras (PDT), reeleito para seu segundo mandato parlamentar.

Veja também

Vitória: servidores da Saúde cedidos ao DF continuarão com o GDF-Saúde após a aposentadoria

Compartilhar via WhatsApp Na tarde desta quarta-feira (20) os servidores do Ministério da Saúde cedidos …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Acessibilidade